Saiba mais sobre a Caféina

A cafeína é um composto químico amplamente utilizado por nós que atua diretamente no sistema nervoso central. Ela é considerada um poderoso estimulante e é muito utilizada para obter ânimo e energia por quem a utiliza.

A maneira mais comum de encontrar a cafeína é no café, porém há outros alimentos e bebidas que apresentam quantidades significativas do composto. Entre eles estão:

  • Guaraná;
  • Chá mate;
  • Chá verde;
  • Cola (base de refrigerantes);
  • Cacau.

A cafeína, em sua dose de consumo recomendável, pode auxiliar o organismo em diversas funções e ser benéfica para algumas partes do corpo. Se a ingestão de cafeína for de até 300mg por dia pode haver aumento da concentração, diminuição do cansaço, aumento da concentração e até mesmo melhora de humor.

Em contrapartida, se consumida além da dosagem recomendada, o excesso do composto no organismo pode ser prejudicial causando tensão (muscular), ansiedade, irritabilidade, inquietação e ainda, se consumida horas antes do sono, pode influenciar diretamente na qualidade do sono do indivíduo.

A cafeína é considerada uma droga e pode causar inclusive, dependência química. Os efeitos da ingestão de cafeína já podem ser observados 20 minutos após seu consumo e ela atinge seu pico no organismo entre 30 a 60 minutos após a ingestão. Quando acostumado ao consumo de cafeína, o corpo pode sofrer alguns sintomas caso seja privado do composto. O mais comum dos sintomas é a dor de cabeça.

É importante saber exatamente a quantidade de cafeína presente nos alimentos que consumimos, pois esta quantidade pode variar. Até mesmo nos cafés, a quantidade de cafeína não é a mesma e varia de acordo com o tipo, safra, etc. Saber a quantidade do composto presente nos alimentos é importante para controlar a quantidade ingerida por dia e evitar que se crie a dependência da cafeína.

Lembre-se que tudo que é consumido em excesso faz mal para o corpo, portanto, tenha o controle sobre o que você ingere, mesmo se for apenas um cafezinho.